Livro do Zénesis

Constata-se exaustivamente que o grande prejudicado em todo este processo mal conduzido duma criação, agora sabe-se, feita às três pancadas (sete, para ser mais preciso) foram os descendentes de Abel. Este bimbo, depois de oferecer ao Criador o primeiro ensopado de borrego da história acabaria por entrar nela pela porta piquena, tendo permitido que o mau feitio do seu irmão mais velho - que apenas sabia fazer saladas como molho mediterrânico - vingasse, num apalpão civilizacional, pode dizer-se, sem precedentes.
Para castigo, ou mera consequência da precipitação gastronómica, deixou então toda uma genealogia de bons e jeitosos primatas hominídeos, a quem já não lhes bastando a cegada da maçã precipitadamente trincada, ficaram ainda reféns da perversa sedução do vegetarianismo, das virulências pandémicas e dos - esporádicos, vá lá - períodos de euforia dos lampiões.
Chegados a uma suposta fase de maturidade genética são ainda confrontados com a utilização do seu bem mais precioso, - tirando a ejaculação telecomandada - ou seja um tal de livre arbítrio, em escolhas absurdas como entre pandermixes versus tamiflus, gatos fedorentos domesticados em televisão versus feras escanzeladas domesticadas em circos, ou canavilhas versus desidérios, ou mesmo, num desafio indigno da estirpe de David, Jesus versus Jesualdo.
Ao invés, os descendentes desse rebento de soja de seu nome Caim, passeiam-se pelo planeta azul escrevendo livros, dando entrevistas, enrolando papiros com alongamentos do esfíncter, pintando aguarelas e abanando cordas de bandolim como se fossem pintelhos de sereia.
Tudo seria ainda assim sofrivelmente suportável não fora a crueldade do Criador se ter começado a manifestar de forma inapelável para com os seus filhos de alma alagartada (vénia ) , que assim sofrem ignomínias sem nome, quais incompreendidos, e mesmo estupefactos, Abeles.
Ora sendo Deus uma mera criação da sua - d'Ele - própria cabeça ( vénia) não se Lhe pode desculpar que deixe estes seus filhos lagartos desamparados, e entregues ao cajado dum sistema caímico que não lhes reconhece nem penalties, nem offsides, nem golos com o antebraço.
É pois com alguma indignação com este Deus que só pode ter ficado ligeiramente embuchado pelas insinuaçõezinhas indecorosas e dissimuladas daqueles pimentos morrones que habitam as grutas do lado sul da 2ª circular que eu aqui me apresento solicitando um respeitoso rewind ao Senhor do Tempo (vénia).
Os que se agarram à cauda genealógica da geração de Abel exigem uma reparação urgente da situação, sentem que foram vítimas de um combate de round único e pelo menos querem escolher um lugar com janela na arca de noé para serem os primeiros a ver a pombinha.

2 comentários:

MC disse...

a 2ª circular dá uns belos temas!

bjs

aj disse...

lindos, mesmo :)

bjs